A impressão hidrográfica é bastante conhecida nos meios automotivos devido à facilidade para pinturas de rodas, calotas e capa de retrovisores, que ficam incrivelmente personalizados em um processo rápido e fácil.

toner e cartucho para impressora

A técnica surgiu no inicio da década de 80, de forma caseira, mas foi melhorando com o passar do tempo. Ela tem seis passos básicos para serem seguidos:

Etapa 1 – Primeiramente se aplica uma base na peça, que funciona como primer para fixação da impressão, logo em seguida se aquece a água do tanque o qual vai haver a imersão:

tanque de impressão hidrográfica

Etapa 2 – Em seguida acontece a instalação da película com a arte desejada e é ativada a película:

Aplicando a película

Etapa 3 – Logo em seguida é feito a imersão da peça lentamente para que o desenho não se deforme.

Imersão para aplicação do desenho

Etapa 4 – A peça precisa ser lavada em seguida é preciso esperar secar:Lavagem e secagem da peça

Etapa 5 – Para finalizar, é aplicado o verniz para que a peça tenha brilho e a impressão fique bem fixada, em que após a aplicação do verniz a pintura é duradoura e resistente.Aplicação do verniz

O processo é pouco realizado aqui no Brasil, devido a falta de especialização, mas já existem algumas empresas que fazem e outros de forma amadora também se utilizam da técnica. Especialistas apostam nessa nova técnica e dizem que há possibilidade do processo de aplicação adesivos ficar para trás, pois a hidrografia é mais rápida pratica e tem um custo menor de produção.

A PrintLoja trabalha com suprimentos de impressão para sua casa e escritório.